A TuneCore, distribuidora de música digital para artistas independentes, anunciou que expandirá suas operações para o Brasil, que se torna o 9º país a ter contratação local.

A plataforma nasceu em 2016 e pertence à companhia Believe, responsável por distribuir mais de um terço da música digital mundial. Ela permite que mesmo aqueles músicos que não possuem contrato com gravadoras possam distribuir suas músicas para lojas digitais e serviços de streaming, como Spotify, Apple Music, YouTube Music, Amazon Music, TikTok, Deezer e iTunes.

Com a chegada da TuneCore Brasil, os artistas brasileiros ganharam um site local, que oferece o serviço de distribuição, de administração de publishing, educação, suporte ao cliente, e outros serviços para auxiliar artistas iniciantes e consagrados.

A plataforma possibilita que os músicos retenham 100% das receitas de vendas e direitos por uma taxa anual fixa.

As operações no Brasil serão comandadas por Bruno Duque, que já trabalhou na Divisão de Música Latina da Sony Music e como gerente de marketing da iMusica.

Os brasileiros que já tinham uma conta na TuneCore podem esperar uma maior proximidade e apoio com a chegada da marca no país, explicou Duque.

“A própria expansão traz proximidade e apoio aos artistas independentes no Brasil e, assim, eles podem contar com uma plataforma e serviços totalmente dedicados aos artistas brasileiros, no seu idioma local. A presença de um executivo local traz também um planejamento dedicado, buscando dar suporte e visibilidade para a base de nossos artistas”, afirmou o head da empresa.

Alejandra Olea, Diretora Administrativa das Americas da Believe, explica que o “Brasil tem um mercado crescente de artistas independentes que estão se lançando e lançando música em um ritmo cada vez maior”. Ela complementa que Duque “traz percepções da indústria e conhecimento local para ajudar a educar e capacitar os artistas independentes iniciantes” do país.

Sem mais artigos