“Eu conheci Deus e ela é negra”. Essa frase, para muitos, é tida como uma heresia. Para a pintora Harmonia Rosales, de 33 anos, trata-se de subversão e empoderamento feminino, apenas. Pensando nisso, a artista resolveu trocar as figuras masculinas e brancas do quadro “A Criação de Adão”, de Michelangelo, por mulheres negras.

Apenas maravilhoso, não é? Harmonia postou o resultado nas redes sociais e acompanhou de perto a “viralização” de sua obra. No Instagram, “A Criação de Deus”, sua versão feminina e negra da obra clássica de Michelangelo, já conta com mais de 5 mil likes e muitos comentários de admiração e parabéns.

“Eu quis aproveitar uma pintura tão importante que, inconsciente ou conscientemente, nos mostra a figura branca e masculina como uma expressão de poder e autoritarismo, invertendo os papéis”, afirmou Harmonia Rosales em entrevista ao BuzzFeed.

Dessa maneira, a artista também pretende empoderar e inspirar outras mulheres negras, como no caso da própria filha. “Eu quero que ela cresça sentindo orgulho de sua cor e de seus cachos. Quero que ela saiba valorizar o fato de ser uma mulher negra, capaz de ver algo poderoso nisso também”, diz.

Veja mais:

A post shared by Harmonia (@honeiee) on

A post shared by Harmonia (@honeiee) on

A post shared by Harmonia (@honeiee) on

A post shared by Harmonia (@honeiee) on

Garota de 5 anos recria imagens icônicas de mulheres negras

Artista troca homens brancos por mulheres negras em obra de Michelangelo

Sem mais artigos