Errantes por Jamil Kubruk

Entre 12 e 28 de agosto de 2022, o Núcleo Barro 3 estreia no Centro Cultural São Paulo o espetáculo Errantes, obra criada a partir da expedição da companhia por monumentos da cidade de São Paulo que exaltam figuras opressoras e ditatoriais da história brasileira.

> Siga o novo Instagram do Virgula! Clique e fique por dentro do melhor do Entretê!

A peça, iniciada no projeto cartas a ele, contou com uma série de etapas, como aulas públicas e intervenções urbanas. A dramaturgia de Errantes é de Victor Nóvoa e a direção é de Lucas França. No elenco, estão Rosana Pimenta, Gustavo Braunstein, Guto Vieira, Catarina Milani, Jefferson Brito Ramos e Letícia Oliveira.

Partindo da rua como um espaço que funda a identidade criativa do grupo, essa obra levanta o questionamento do que ocorreria se os trabalhadores decidissem parar. A dramaturgia, dividida em oito movimentos, traz performances relacionadas aos percursos do grupo pelos espaços da cidade marcados por homenagens a diferentes tiranos.

“A linha condutora de Errantes é a observação da cidade. Olhar o espaço e problematizá-lo. A movimentação do elenco, apesar de ser coreográfica, tem proposição estética mais reta, linear, quase como corpos-máquina dentro de suas individualidades. São atores e atrizes que se utilizam de dispositivos da dança para compor imagens”, conta o diretor Lucas França.

 

Serviço

Errantes – Núcleo Barro 3

Temporada: 12 a 28 de agosto de 2022. Quinta, sexta e sábado, 21h; domingo, 20h

Local: Centro Cultural São Paulo – Sala Jardel Filho

Classificação indicativa: 14 anos

Duração: 55 minutos

Entrada Gratuita. Retirada com uma hora de antecedência, na bilheteria

Núcleo Barro 3 estreia espetáculo Errantes no CCSP

Sem mais artigos