Se você pretende se tornar um publicitário deve ter algumas preocupações desde já. O estudo deve se colocar como prioridade. “A formação humanística deve ser boa. Programas gráficos se sucedem, esse tipo de conhecimento não”, disse a Profª Lourdes Gabrielli, coordenadora do curso de Publicidade e Propaganda da Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC-SP).

Para se tornar um bom profissional é importante que se tenha uma qualidade básica: gostar de ler. A dificuldade de expressão escrita é comum entre os recém universitários. “O principal defeito é este, os alunos lêem pouco, por conseqüência escrevem pouco”, revelou.

O cotidiano deve ser usado como campo de trabalho. “Devem pensar que tudo é informação e pode ser usado, nada se desperdiça”, lembrou a professora.

E o que fala o publicitário?

Sem mais artigos