Após morte, petição para banir armas em sets chega a 25 mil assinaturas

Após a morte acidental da diretora de fotografia Halyna Hitchins no set de filmagem de “Rust”, uma petição para banir o uso de armas nestes locais e dar melhores condições de trabalho para as equipes técnicas de filmagens atingiu mais de 25 mil assinaturas em menos de cinco dias.

O documento, criado no site Change.org, tinha como objetivo inicial 25 mil assinaturas, tendo agora mudado sua meta para 35 mil. Ele foi criado pelo cineasta Bandar Albuliwi, diretor de “Inheritance”.

A morte de Halyna chocou o mundo na última semana. Quem apertou o gatilho fatal foi o ator Alec Baldwin. Além de Halyna, o diretor do longa, Joel Souza, também se feriu na ocasião. Em depoimento, o diretor disse que Alec segurava a arma em direção à camera quando o disparo foi feito.

O caso ainda está com a investigação aberta, e a polícia ainda não se pronunciou oficialmente sobre o assunto. Ninguém foi preso nem houve queixas sobre o ocorrido. Em entrevista ao jornal britânico The Sun, o pai de Halyna, Anatoly Androsovych, disse que a culpa do acidente era da equipe responsável pelo set e não de Alec Baldwin.

Sem mais artigos