Nikki Benz

Uma proeminente atriz de filmes adultos afirmou que foi violentamente atacada durante uma cena e decidiu processar um diretor, um ator e a empresa que produz filmes pornográficos.

Em uma série de tweets, Nikki Benz afirmou que ela estava envolvida em uma cena “horrível”. Ela alega que um diretor, Tony T, a sufocou durante as filmagens de uma cena para a empresa canadense de pornografia Brazzers. Ele negou qualquer transgressão.

Ela também compartilhou mensagens em que afirma que teve a cabeça pisoteada, mas que ela continuava pedindo que a cena fosse cortada, mas as filmagens continuavam.

No Twitter, Benz chamou o suposto incidente de “estupro”, dizendo em um tweet: “Nenhum assédio moral, estupro e violência nunca devem acontecer. Não apenas na câmera, como fora da câmera”. Ela também disse várias vezes que não estava bem com a cena.

De acordo com o jornal The Sun, a estrela pornô processou o estúdio de filmes para adultos Brazzers, bem como o diretor Tony T e o ator Ramon Nomar.

A filmagem foi em dezembro de 2016, mas o caso só foi revelado recentemente pela mídia inglesa.

Sem mais artigos