Você já ouviu falar na Mulher Vampiro? A mexicana María José Cristerna entrou para o Guinness Book como a mulher com maior número de mudanças corporais das Américas. Maria disse que decidiu fazer as transformações depois de sofrer violência doméstica por 10 anos. “As tatuagens e todas as modificações que fiz no meu corpo funcionaram como uma forma de superação e reinvenção de mim mesma”, explica.

Maria é adepta da Body Modification que é toda e qualquer modificação feita no corpo, sendo irreversível ou não, realizada por uma razão não-médica. Os adeptos dessas modificações a consideram arte, uma vez que são feitas por motivos estéticos, culturais ou espirituais. 

Há vários tipos de procedimentos de body modification. Veja a lista abaixo com os 10 tipos mais praticados:

1) Branding: técnica pela qual se cria um desenho por meio de queimadura na pele. Aplica-se ferro quente ou chapa de aço esquentada por um maçarico sobre a epiderme. Após a queima da pele forma-se uma cicatriz com o desenho desejado. 

2) Escarificação: desenho feito por meio de cortes de bisturi na pele com o intuito de formar uma cicatriz figurativa.  

3) Bifurcação da língua (tong split): cirurgia que divide a língua ao meio e a deixa semelhante à língua de répteis. A cicatrização demora de 2 duas semanas a 1 mês. 

4) Implante transdermal: implante de aço cirúrgico de formatos variados que é aplicado entre as camadas de gordura da pele. Metade do objeto fica exposto e metade fica interiorizada no corpo.

5) Implante microdermal: uma evolução do implante transdermal, que necessita de um processo de aplicação envolvendo anestesia e instrumentos cirúrgicos. O implante microdermal pode ser aplicado de forma mais simples (com um punch ou uma agulha americana), o que torna possível a aplicação em regiões do corpo onde não se imaginaria (como na foto: abaixo do osso da “saboneteira”).

6) Implantes subcutâneos: é o implante de um objeto (de silicone cirúrgico e teflon) sob a pele, formando um alto-relevo. A colocação é feita por incisão na pele, que é descolada para a apliação. Normalmente é aplicado nas mãos, braços, peito e cabeça. Cicatrização: varia de local e de tempo (3 a 7 meses). 

7) Surface: um implante que lembra o piercing normal, mas as duas pontas do objeto ficam exteriorizadas, como se fosse uma “trave ao contrário”. A cicatrização é 2 a 4 meses.

 

8) Alargador no nariz (big nostril) boca (big labret) e da parte alta da orelha:  inicialmente é feito um pequeno corte na região desejada onde é retirado um pouco de pele ou cartlagem. Em seguida é inserido o alargador que vai sendo trocado até que, por dilatação, o orifício alcance o tamanho desejado. A cicatrização é de 2 a 6 meses.

9) Implantes de dentes de vampiro: fos implantes são feitos de resina e aplicados no dentes da pessoa por um dentista.

10) Eyeball tatto: pigmentação (preta ou de outras cores) realizada por meio de substância livre de metal injetada no globo ocular que pode ser de várias cores. Vale lembrar que é um tipo de modificação corporal permanente.

 

Sem mais artigos