(EFE).- Dez soldados franceses da força da Organização do Tratado do Atlântico Norte (Otan) no Afeganistão morreram em combate por causa de uma emboscada colocada por insurgentes talibãs ao leste de Cabul, informou hoje a imprensa francesa.

Uma porta-voz do Ministério da Defesa confirmou à Agência Efe que soldados franceses morreram em uma operação contra os talibãs, mas não precisou o número de mortos e feridos.

A operação ocorria desde ontem em uma região situada cerca de 50 quilômetros ao leste da capital afegã.

Segundo a imprensa francesa, os militares que morreram são pára-quedistas da Força Internacional de Assistência à Segurança (Isaf) no Afeganistão. Outros 21 ficaram feridos, segundo as mesmas fontes.

O correspondente da emissora "France Info" na região disse que a patrulha francesa caiu em uma emboscada colocada por insurgentes em uma estrada, e que houve intensos combates.

Fontes militares francesas tinham afirmado ontem à noite que uma operação com a participação de militares franceses estava em andamento.

Cerca de 3 mil soldados franceses estão no Afeganistão dentro da Isaf, principalmente na região de Cabul e ao nordeste da capital afegã.

Sem mais artigos