(Da redação) – Segundo o Programa Nacional de DST/Aids, do Ministério da Saúde, foram distribuidas aos estados 203,2 milhões de camisinhas nos oito primeiros meses deste ano. Houve um crescimento de 70 % em relação à 2007, quando 119,7 milhões de camisinhas foram repassadas.

Estados do Nordeste e o Tocantins foram os principais responsáveis pelo aumento da demanda, uma vez que houve reestruturação dos programas locais de prevenção de doenças sexualmente transmissíveis.

Os programas incluem a distribuição de camisinhas em festas populares, além de trabalhos de prevenção feitos em escolas e com os grupos de risco, que são compostos por prostitutas, travestis, caminhoneiros e presidiários.

O Ministério da Saúde investiu cerca de R$ 60 milhões na aquisição de 1 bilhão de camisinhas em 2007, sendo que as distribuidas atualmente ainda fazem parte desse lote. O Programa visa superar a meta atingida em 2004, quando 254 milhões de preservativos foram fornecidos.

Novo discador V2. Navegue pela Internet e ganhe grana!

Baixa Hits. A mais completa loja de Música digital da Internet está há um clique daqui!

Sem mais artigos