No ano passado Domenico Dolce e Stefano Gabbana foram investigados pela justiça italiana por suspeitas de sonegação fiscal. Para alívio da dupla de estilistas, um juiz de Milão decidiu que as acusações fiscais contra a dupla não possuem bases suficientes para condená-los. Eis que agora, a corte resolveu voltar atrás e levar as investigações adiante, fato que deixou Stefano enfurecido no Twitter.

“Ladrão”, twittou se referindo às autoridades italianas. “Eles não sabem o que fazer para tirar dinheiro de nós.” Mas os tweets foram removidos, surgindo o seguinte: “É uma grande verdade que na Itália eles fazem o que querem. Talvez seja melhor partir. Mas primeiro eles terão que me pagar pela difamação. Daí, eu parto. Por que devo pagar por algo que não fiz?”.

O advogado dos estilistas Giuseppe Bana disse ao WWD estar extremamente surpreso com a decisão da corte de rever o caso.

Sem mais artigos