Uma pesquisa concluiu que tirar selfie é cinco vezes mais perigoso do que ser atacado por um tubarão.

O levantamento foi feito pelo Jornal da Medicina de Família e Cuidados Primários da Índia com a intenção de conscientizar sobre os riscos na busca pelo clique perfeito.

Segundo os dados da pesquisa, entre outubro de 2011 e novembro de 2017, foram registradas 259 mortes no mundo de pessoas que se arriscaram ao fazer uma selfie. No mesmo período, 40 pessoas morreram vítimas de ataques de tubarão.

Selfies mais perigosas do mundo

Turista no ponto mais alto do Cristo Redentor, no Rio de Janeiro
Mulher se pendura em prédio em Dubai
Que boa ideia tirar uma selfie enquanto um urso está logo atrás, não?
Pesquisador tira selfie em vulcão
Turista se aventura no alto de uma montanha
Há diversas ocorrências de acidentes com manuseio de armas
Mais uma selfie perto de vulcão.

Fazer selfie é 5 vezes mais perigoso do que ser atacado por tubarão

Sem mais artigos