Após quase cinco horas de exibição dos filmes “Che, El Argentino” e “El Guerrillero”, os espectadores cubanos ovacionaram os dois longas dirigidos por Steven Soderbergh. Foram alguns minutos de aplausos com o público de pé no final da noite de sábado (06/12), estréia do Festival de Cinema de Havana. Em ambos os filmes, o ator brasileiro Rodrigo Santoro interpreta o jovem Raúl Castro, atual presidente de Cuba.

Benício Del Toro, ator porto-riquenho que estrelou as duas produções, também foi bastante elogiado. Ele disse desejar que Cuba e Estados Unidos retomem o diálogo e que os filmes podem contribuir para que isso ocorra.

Autoridades cubanas e o jornal local Granma não deixaram de enaltecer a qualidade das produções. Rogelio Acevedo, presidente do Instituto de Aeronáutica Civil de Cuba, rotulou os filmes como "excelentes". O Granma disse que Che Guevara é retratado de maneira respeitosa até mesmo em momentos históricos polêmicos.

Apesar dos aplausos em Havana, os filmes foram duramente criticados pelos cubanos que vivem em Miami. Na última quinta-feira (04/12), a polícia norte-americana precisou montar uma barricada em frente Teatro Byron Carlyle para evitar protestos.

Novo discador V2. Navegue pela Internet e ganhe grana!

Baixa Hits. A mais completa loja de Música digital da Internet está há um clique daqui!

Sem mais artigos