A boneca Lamilly está à venda por US$ 25 (cerca de R$ 75) e os adereços para acrescentar as imperfeições na boneca custam US$ 7 (cerca de R$ 21) (Crédito: Divulgação)

A boneca Lamilly está à venda por US$ 25 (cerca de R$ 75) e os adereços para acrescentar as imperfeições na boneca custam US$ 7 (cerca de R$ 21) (Crédito: Divulgação)

Quando surgiu no ano passado, a Lammily Doll, uma boneca que é o oposto da Barbie e, assim como as mulheres comuns, tem imperfeições como celulite, acne e algumas gordurinhas, deu o que falar. Bem, pois agora é oficial: ela começará a ser produzida.

O criador da boneca, Nickolay Lamm, já começou a arrecadar fundos para o projeto e a boneca realista já até ganhou seu próprio comercial. Isso mesmo!

O vídeo mostra que as garotas devem aceitar seus corpos do jeito que são e não se impressionar com as modelos perfeitas que aparecem nos anúncios das revistas femininas, uma vez que todas essas imagens são submetidas à Photoshop – ou seja, nem condizem com a realidade.

Em entrevista ao site BuzzFeed, Lamm explica que o comercial abre uma discussão para a obsessão que a sociedade tem pela aparência.

“A mensagem do vídeo é: seja você mesmo. A realidade é legal, aliás, é tudo o que temos. Por que não aprecia-la mais? Mesmo que alguém não seja perfeito, ainda sim pode ser belo”, diz Lamm.

Gente como a gente: Boneca realista desafia padrões de beleza em comercial

Sem mais artigos