Empresa doou jalecos e aventais usados para fetiches para ajudar hospitais no combate ao coronavírus

Uma empresa voltada a fantasias sexuais resolveu ajudar diretamente no combate ao coronavírus na Inglaterra. Você deve estar pensando que ela fez doações em dinheiro para alguma clínica ou hospital, não é mesmo? Errado. A MedFet doou peças usadas para fetiches.

Entre as mais doadas estão seringas e aventais médicos destinados às fantasias sexuais com profissionais da saúde britânicos. O repasse dos produtos foi feito a um hospital no Sul da Inglaterra, que não teve o nome divulgado.

A MedFet, que tem lençóis e seringas entre os seus produtos mais rentáveis, aproveitou para criticar o governo inglês sobre as formas como está tentando lidar com a disseminação do novo coronavírus na região.

Segundo a empresa, as autoridades inglesas não estão enviando os materiais necessários para que médicos e enfermeiros tratem adequadamente os pacientes com a Covid-19 ou que estão sob suspeita de estarem com a doença.

Sem mais artigos