(Da redação) – Um relatório das Nações Unidas revelou que, pelo segundo ano consecutivo, cresceu o número de refugiados no mundo.

Em 2007, o número de refugiados totalizou 37,4 milhões, dos quais 11,4 milhões estariam fora de seus países e 26 milhões seriam refugiados internos, afirmou o levantamento anual da agência das ONU para os refugiados (Acnur), com estatísticas de mais de 150 países.

Em 2007, o número de refugiados totalizou 37,4 milhões, dos quais 11,4 milhões estariam fora de seus países e 26 milhões seriam refugiados internos, de acordo com o levantamento anual da agência das ONU para os refugiados (Acnur), com números de mais de 150 países.

"Enfrentamos uma combinação global de desafios que ameaçam causar ainda mais deslocamentos no futuro", afirmou em Londres o comissário da Acnur, António Guterres.

O Afeganistão aparece, pelo segundo ano consecutivo, como o principal país de origem dos refugiados – cerca de 3 milhões, abrigados, principalmente no Paquistão e no Irã. Os colombianos são o terceiro país com o maior número de refugiados: 552.

O Paquistão, por sua vez, continua sendo o principal destino dos refugiados, seguido da Síria, Irã, Alemanha e Jordânia.

A guerra do Iraque teria contribuído para o aumento dos refugiados. Só de iraquianos foram solicitados 52 mil pedidos de asilo em 2007. Depois aparecem Somália, com 46 mil, Eritréia, com 36 mil e Colômbia, que registrou 23,2 mil pedidos.

Qual é o seu ritmo? Seja qual for, venha curti-lo de uma forma diferente!

Sem mais artigos