Outro forte motivo para se querer o cargo, seria o salário e as diárias que eles recebem. Pra você ter uma idéia, esse valor pode chegar a 92 mil reais, entre 12 mil e 400 reais de salário base (não se sabe até quando, né?), 50 mil para pagamento de salários de assessores, 3 mil para a moradia em Brasília, 4 mil e 200 para envio de correspondência (???), 8 mil e 300 de passagem de avião, entre outros itens e serviços como frigobar. São tantos os serviços colocados à disposição do Congresso, que existe um livro de 330 páginas (Manual do Gabinete Parlamentar), com informações a respeito dos privilégios dos deputados.

Com tanto pontos positivos, dá vontade de largar tudo e tentar a sorte em Brasília, não? Afinal, Clodovil e Frank Aguiar já provaram que não precisa se entender muito do assunto para chegar lá.

Sem mais artigos