(Da redação) O empresário Enivaldo Quadrado, um dos 40 réus do mensalão em 2005 e sócio da corretora Bônus-Banval, foi preso na madrugada de sábado (6/12) ao tentar entrar no Brasil com 361 mil euros (mais de R$ 1,1 milhão) não-declarados. Quadrado escondia os maços de dinheiro vivo dentro das meias e da cueca.

O mensalão foi o escândalo de compra de votos no Congresso nacional que ocupou a mídia em 2005. Os 40 réus foram acusados de formação de quadrilha e lavagem de dinheiro. A empresa de Quadrado foi denunciada como sendo intermedíaria na transferência do dinheiro para deputados do PL e do PP (hoje do PR) envolvidos no esquema.

Segundo a Polícia Federal, o empresário estava num vôo vindo de Lisboa.

Pela lei brasileira, qualquer pessoa que entrar no país com mais de R$ 10 mil deve declarar o valor à Receita Federal. Ele foi preso em flagrante por falsidade ideológica, por não ter prestado contas do dinheiro.

Novo discador V2. Navegue pela Internet e ganhe grana!

Baixa Hits. A mais completa loja de Música digital da Internet está há um clique daqui!

Sem mais artigos