Dependentes de drogas, sem-teto ou pobres. Essas pessoas excluídas da sociedade passam despercebidas nas grandes capitais do mundo. Por isso, o fotógrafo britânico Lee Jeffries decidiu descobrir as histórias e retratar as expressões de todos que são excluídos da sociedade.

Tudo começou em 2008, quando ele andava pela cidade tirando fotos e viu uma menina em um saco de dormir, em Londres, e resolveu, de longe, registrar sua imagem. Quando percebeu, a criança começou a gritar, então, Jeffries decidiu falar com ela e descobriu que ela foi morar nas ruas por causa da morte dos pais.

Após esse episódio, o britânico decidiu fazer retratos dos moradores de rua em várias cidades, como Londres, Paris, Roma, Los Angeles e Nova York.

Para criar um tom íntimo nas imagens, antes de usar a máquina fotográfica, ele cria uma conexão com cada um dos “modelos” com uma conversa informal a fim de saber um pouco a história de cada um. Com o projeto fotográfico, Jeffries arrecada dinheiros para ONGs de moradores de rua e tenta reduzir a invisibilidade das pessoas que não têm onde morar.

Conheça o trabalho de Jeffries na galeria acima e encante-se.

Sem mais artigos