(Da redação) – O STF (Superior Tribunal Federal) deve aprovar nesta quinta-feira, 21, uma súmula (a de número 13) que proíbe o nepotismo em qualquer esfera dos poderes da União – Judiciário, Legislativo e Execultivo.

A decisão foi unânime, depois de uma longa sessão nesta quarta-feira. O plenário acatou o pedido da Associação dos Magistrados Brasileiros (AMB) que obrigou alguns tribunais a seguir a lei de 2005, do Conselho Nacional de Justiça (CNJ), que já proibia a contratação pelo magistrado de qualquer familiar para cargos de confiança.

Logo após a decisão, foi julgado um caso extraordinário do Ministério Público contra uma decisão da justiça do Rio Grande do Norte. No estado, na cidade de Água Nova, o Tribunal de Justiça entendeu que a nova lei do nepostismo não será aplicada no caso que o vice-prefeito contratou dois parentes para cargos comissionados, porque não há uma lei específica para tal fato.

Novo discador V2. Navegue pela Internet e ganhe grana!

Baixa Hits. A mais completa loja de Música digital da Internet está há um clique daqui!

Sem mais artigos