(Foto: reprodução/ Facebook Eduardo Suplicy)

Nesta quinta, 5, o vereador de São Paulo Eduardo Suplicy se manifestou no Twitter sobre a decisão do STF negar o habeas corpus ao Lula, e disse que se for preciso, pretende cumprir pena com o ex-presidente.

“Ao cumprimentar o Presidente Lula agora a noite, no Sindicato dos Metalúrgicos, em SBC, transmiti a ele que quando for preso, disponho-me a acompanhá-lo e ficar com ele, até que ele tenha de fato direito de defesa, o que não lhe foi permitido perante o juiz Moro e no TRF-4”, escreveu Suplicy.

Confira o post:

(Foto: reprodução/Twitter)

 

 

Sem mais artigos