(Da redação) – Leo Kret do Brasil, o travesti eleito vereador em Salvador com o 4º maior número de votos – 12.861 – já anda causando polêmica mesmo antes da posse.

Kret afirnou que não seguirá as normas da casa. Na rebeldia do novo vereador, com nome verdadeiro de Alecsandro de Souza Santos, está incluso o uso do banheiro feminino e a negação às vestimentas exigidas pela Câmara, no caso dos homens, o terno.

Em entrevista à Folha de S. Paulo, Kret – de cretina, por conta de suas caras e bocas – disse que foi muito bem recepcionada em uma cerimônia de boas vindas aos novos vereadores da cidade, nesta quarta-feira, 8.

Kret revelou, ainda, que pretende ir mais longe na carreira política. Quer ser prefeita de Salvador e até mesmo presidente da República. Mas, para isso, pretende terminar o ensino médio e iniciar um curso superior.

Vestibular 2009 Centro Universitário Senac. Clique e inscreva-se.

Novo discador V2. Navegue pela Internet e ganhe grana!

Baixa Hits. A mais completa loja de Música digital da Internet está há um clique daqui!

Sem mais artigos