A vidente Baba Vanga previu o coronavírus em 1996

A ex-treinadora de ginástica rítmica Neshka Stefanova Robeva disse neste fim de semana que foi avisada de que o mundo passaria por uma crise na saúde com o coronavírus. Segundo ela, a vidente Baba Vanga, conhecida mundialmente, foi quem a revelou.

 

 

Baba morreu aos 84 anos, mas esteve com Robeva antes de falecer. Na conversa, a vidente, que já tinha previsto os ataques terroristas às torres gêmeas dos EUA em 2001 e a saída do Reino Unido da Uniao Europeia, garantiu que haveria uma pandemia mundial. E acertou até o nome.

 

“Neshka, o corona está sobre nós”. Esta foi a frase usada por Baba Vanga ainda em 1996, segundo reportagem do jornal britânico Daily Star. Em búlgaro, país de Baba, “corona” significa “tutela”. À época, Robeva achou que a vidente estava se referindo ao poder que a Rússia exercia sobre a Bulgária.

 

Tantos anos depois, Robeva garante que está convencida de que Baba Vanga já alertava sobre a pandemia desde aquela época. O coronavírus assola a Europa neste momento, inclusive a Bulgária, que tem 23 casos confirmados até o momento.

Sem mais artigos