Madonna apareceu em uma videoconferência durante o programa de Ellen DeGeneres, nesta terça-feira (09), para se posicionar contra o bullying [humilhação física e psicológica que acontece especialmente em ambiente escolar] que tem levado muitos jovens gays a se matarem. “Suicídio é pertubardor, suicídio juvenil é mais pertubador ainda. Saber que adolescentes estão perdendo vidas por causa de bullying [por serem homossexuais] nas escolas e dormitórios é incompreensível”, disse a Rainha do Pop.

A cantora diz que conversa muito sobre o assunto com sua filha Lourdes Maria e revela: “Eu me identifico com a ideia de se sentir isolada e alienada. Eu era uma adolescente um pouco solitária e nunca me encaixei. Até que uma professora que era lésbica me disse que era ok ser diferente”.

E completou: “Eu precisava dizer alguma coisa porque a comunidade gay sempre me apoiou”.

Veja o vídeo em inglês:

Madonna fala na TV sobre bullying e o suicídio de jovens gays. Veja vídeo

Sem mais artigos