<br>A primeira rodada do Paulistão 2008 foi dos centroavantes. A chuva de gols que os matadores dos clubes proporcionaram, trouxeram muitas alegrias ao torcedor paulista.

Na quarta-feira, Christian mostrou para que veio para a Portuguesa. A Lusa, na sua volta à primeira divisão, venceu o atual campeão Santos, e o atacante foi destaque, fazendo o primeiro gol com uma cabeçada certeira.

Em Guaratinguetá, Adriano deu show. Começou a fazer o seu império novamente e mostrou o poder de reação do São Paulo sobre o bem montado time do Guará. O Tricolor saiu perdendo por um a zero. Mas Adriano fez dois, um chutando de longe, e outro cobrando falta de longa distância.

Por Barueri, quem sentiu a fúria alviverde foi o Sertãozinho. Na estréia de Luxa e Élder Granja, quem brilhou foi outro estreante: o matador Alex Mineiro. O ex-jogador do Atlético-PR fez dois na vitória por 3 a 1 do Verdão. Se continuar assim, talvez consiga atingir a meta de 30 gols no ano, que ele prometeu.

No Morumbi, na capital, o show foi de Finazzi, o Finagol. O matador mostrou porque foi digno de renovar o contrato e, na estréia de Acosta e companhia, brilhou a Velha Guarda do ano passado. Com excelente atuação de Dentinho, Finazzi encontrou o apoio que precisava. Após cruzamento do garoto, o matador da Fiel contou com a sorte do rebote do goleiro bater nele e a bola entrar devagarzinho no gol. Depois, o mesmo Dentinho sofreu pênalti, e lá estava o engenheiro para converter. É a redenção corintiana para começar bem a empreitada de 2008.

<b>LEIA TAMBÉM:</b>
<a target=_blank href=http://www.virgula.com.br/esporte/novo/nota.php?ID=23023>Goleiros são destaques nos seus times

Sem mais artigos