A Seleção Brasileira recebeu o Panamá nesta terça-feira (03) no penúltimo amistoso do time antes do início da Copa do Mundo. O time treinado por Luiz Felipe Scolari venceu pelo placar de 4 a 0 no Estádio Serra Dourada, em Goiás, após um primeiro tempo fraco, mas uma volta dos vestiários com um time bem melhor.

Com relação ao time que todos têm na cabeça, só ficaram de fora o zagueiro Thiago Silva e o volante Paulinho, poupados, sendo que o time titular teve Julio César no gol, Daniel Alves, David Luiz, Dante e Marcelo na defesa, Luiz Gustavo, Ramires e Oscar no meio de campo, além do ataque formado por Hulk, Neymar e Fred.

O iníco da partida teve poucos lances de perigo do Brasil, que viu um adversário cheio de vontade e tocando melhor a bola. 

Após falta na meia-lua sofrida por Neymar, que rendeu o cartão amarelo a Luis Tejada, o mesmo atacante fez a cobrança e abriu o placar com uma linda cobrança aos 26 minutos, sem chances para o goleiro McFarlane.

Logo depois, o atacante fez grande jogada, dando caneta no adversário, e quase ampliou. 

Após o gol, o Brasil começou a mandar na partida, com Julio César quase sem aparecer.

O segundo gol veio aos 40 minutos com Daniel Alves (foto abaixo). O lateral foi avançando, chegou perto da área e a marcação não chegou. Eis que o camisa 2 resolveu arriscar e acertou o canto do goleiro, marcando seu sexto gol com a camisa verde e amarela.

“Não tem que ir de forma desleal. Temos que jogar como jogamos todos os jogos, firme e na bola. Vamos voltar com a mesma dinâmica, mesma pegada, que eles têm um time muito, muito bom”, disse o zagueiro David Luiz, antes de descer para os vestiários.

Segundo tempo

Com as saídas Daniel Alves, Marcelo e Ramires, e a entrada de Maicon, Maxwell e Hernanes, o Brasil já faz mais um logo no início da etapa regulamentar. Após lindo passe de Neymar na esquerda, Hulk (foto abaixo) pega de primeira, com a esquerda, de três dedos, e faz belo gol, a um minuto de jogo.

Em seguida, Fred , que não fez boa partida, perdeu gol na marca do pênalti. Após cruzamento perfeito de Neymar, o artilheiro não pegou bem na bola e mandou para fora, bem acima do gol.

Com os pentacampeões mandando no jogo, mais um ataque foi em direção à meta do goleiro Calderón, que também entrou na segunda etapa. Após diversas tentativas sem finalização, o Brasil conseguiu o quarto gol. Aos 27, toque de bola na área panamenha entre Neymar e Maxwell, a bola fica com Willian (que entrou no lugar de Oscar) para aumentar a goleada.

Em seguida, em nova tentativa ofensiva da seleção, o Panamá cometou pênalti não marcado pelo juiz. Ao invés disso, deu falta para os centro-americanos, pois o atacante brasileiro colocou a mão na bola para pedir a penalidade.

Aos 36, após bola alçada na área, o volante Gavilán Gómez dá uma de goleiro e soca a bola antes dessa bater na cabeça de Maicon (que entrou no lugar de Daniel Alves). O árbitro deu inicialmente o pênalti, também expulsando o jogador panamenho por causa da infração. Porém, a cobrança da marca da cal foi anulada, pois o assistente já havia marcado impedimento brasileiro no lance. Panamá ficou com um a menos.

No fim da partida, o time de Felipão ainda tentou fazer mais gols, mas alguns lances sem sorte decretaram o placar inalterado após o quarto tento.

Último jogo antes da Copa

Na próxima sexta-feira (06), o último jogo preparatório será contra a Sérvia, no Estádio do Morumbi, em São Paulo. O duelo contra os europeus, que não se classificaram para o Mundial, será a somente seis dias antes da estreia da Copa, contra a Croácia, na Arena Corinthians

Seleção Brasileira goleia Panamá por 4 a 0 em penúltimo teste pré-Copa do Mundo

Sem mais artigos