Recém-ganhador da Bola de Ouro de melhor jogador do mundo, Cristiano Ronaldo recebeu nesta segunda-feira (20) o grau de Grande-Oficial da Ordem do Infante, uma das maiores condecorações do governo de Portugal. O craque do Real Madrid, então, exaltou sua pátria e disse que, agora, só falta o título da Copa do Mundo em sua sala de troféus. As informações são do site do jornal português A Bola.

“É uma condecoração muito importante para mim, porque sou português com muito orgulho. É um privilégio e uma honra representar ao mais alto nível Portugal no estrangeiro. Dá-me mais motivação para continuar o meu trabalho. Sei que ainda falta muito tempo para terminar a minha carreira e espero conquistar mais algumas coisas a nível individual e coletivo”, disse na entrevista coletiva no Palácio de Belém, sede do poder no país.

Aos 28 anos e com incontáveis títulos no currículo, CR7 reiterou o desejo de conquistar um torneio de expressão pelo selecionado.

“Ser campeão do mundo por Portugal é um sonho. Sem minimizar os troféus que conquistei, como esta condecoração e a Bola de Ouro, ganhar algo pela seleção é o que mais ambiciono. Sabemos que é uma tarefa difícil, pois todas as seleções querem ganhar. Vamos dar o nosso melhor”, projetou o atacante.

O camisa 7 ainda recebeu elogios do presidente português, Cavaco Silva.

“Ronaldo tem o condão de unir os portugueses (…) numa altura em que Portugal precisa de exemplos. É uma referência para os portugueses. Saliento o rigor e o profissionalismo de Cristiano Ronaldo. Ao talento junta trabalho, disciplina, determinação e vontade de vencer” », expressou o chefe do Estado.

Sem mais artigos