A Juventus venceu o Verona pelo Campeonato Italiano no último domingo (22) por 2 a 1, em Turim. Até aí, nada de mais para a atual bicampeã italiana. Só que chamou a atenção o caso de Andrea Pirlo que, quando substituído, mostrou insatisfação e, ao contrário do protocolo (que manda ir para o banco de reservas), foi direto para o vestiário.

O técnico Antonio Conte não deixou barato e deu um aviso por intermédio de uma entrevista coletiva divulgada nesta terça-feira (24) pelo site do jornal italiano La Gazzetta dello Sport.

“A menos que um jogador saia de maca ou por lesão, após a substituição ele tem a obrigação de permanecer no banco de reservas até o final da partida. Do contrário, multa e mês fora da equipe. Fácil, não?”, esclareceu o treinador.

Apesar do leve problema de indisciplina, o clube já se mexe para conseguir uma renovação do contrato do atleta de 34 anos que se encerra no final desta temporada. Segundo a emissora italiana Sky Sport noticia também nesta terça, a Juve quer contar com o exímio cobrador de faltas por mais alguns anos.

Sem mais artigos