Os psicólogos de plantão da Seleção Brasileira podem ter folga amanhã. Com gols de Thiago Silva e David Luiz, o Brasil venceu a Colômbia por 2 a 1 no Castelão, em Fortaleza, e voltou a uma semifinal de Copa do Mundo após 12 anos.

Tachado como “chorão”, pelas lágrimas que derramou no jogo contra o Chile pelas oitavas de final, o capitão da seleção voltou a viver dia de “Monstro”, relembrando o apelido que ganhou nos tempos de Fluminense. Além de abrir o placar aos 7 minutos do primeiro tempo, Thiago Silva ainda teve atuação impecável na defesa. A nota negativa, no entanto, foi o cartão amarelo recebido durante a partida, que o tira do próximo jogo.

Já o camisa 4 verde e amarelo, símbolo de descontração da equipe comandada por Luiz Felipe Scolari, foi às lágrimas, mas depois de anotar um golaço de falta aos 24 minutos da etapa final, ampliando o marcador na capital cearense.

O fim do jogo, contudo, foi de agonia. Os colombianos descontaram nove minutos após o segundo gol brasileiro, com James Rodríguez cobrando pênalti e fazendo seu sexto gol na competição. Com isso, o meia superou os artilheiros das últimas duas Copas: Miroslav Klose em 2006, e Thomas Müller, Wesley Sneijder, David Villa e Diego Forlán em 2010.

No fim do jogo, coube justamente a David Luiz consolar o goleador máximo dessa edição da Copa do Mundo. Chorando copiosamente, o camisa 10 colombiano ganhou um abraço do brasileiro ao se despedir da competição, da qual é um dos principais astros.

Com a vitória de hoje, o Brasil disputará seu primeiro jogo de semifinal desde 2002, quando bateu a Turquia por 1 a 0 e foi à decisão, em que bateu a Alemanha. A adversária no duelo da próxima terça-feira, às 17h (horário de Brasília), no Mineirão, em Belo Horizonte, será justamente a seleção tricampeã mundial.

Veja mais fotos do jogaço na galeria acima!

Sem mais artigos