O Brasil se proclamou neste domingocampeão no quadro de medalhas do 15º Campeonato Ibero-Americano deAtletismo, disputado em Barquisimeto (Venezuela).  

Os brasileiros somaram 14 medalhas de ouro, 17 de prata e 13 debronze (44 no total), deixando Cuba em segundo com 8-6-4 e Colômbiaem terceira com 6-3-5.  

O Brasil conquistou a medalha de ouro no revezamento 4X100feminino, no rodízio de encerramento do evento.  

O grupo das brasileiras foi integrado por Geisa Muniz Coutinho,Aparecida de Moura, Evelyn de Oliveira e Rosângela Oliveira, quefinalizaram com um tempo de 43,90 segundos.  

No revezamento 4X100 masculino, o Brasil repetiu o ouro com umtempo de 38,95 segundos com a equipe de Carlos de Moraes, SandroRodríguez, Nilson de Oliveira e Aldemir Gomes.  

Os 1.500 metros rasos foram vencidos por Leandro Prates, com umtempo de 3min47s76.  

Outra brasileira, Andresa de Oliveira, com um lançamento de 64,21metros, ficou com o ouro na prova de lançamento de disco feminino. Aprata também foi para a brasileira Fernanda Borges (57,87 metros).  

Eliane Martins venceu no salto à distância feminino com marca de6,55 metros. No segundo lugar, empate entre a chilena Macarena Reyese a brasileira Giselle Marcullino, com idênticos 6,14 metros, porisso que as duas levaram medalha de prata.  

A supremacia do Brasil se completou com as duas últimas medalhasdo evento. Lucimara Silvestre ganhou no heptatlo, ao acumular6.160 pontos, enquanto Tamara Alexandrino ficou em terceiro com5.548 pontos.  

Luiz Alberto Cardoso de Araújo liderou o decatlo com um total de7.772 pontos. No pódio o acompanharam Venâncio Anderson e oportuguês Tiago Marto.

Brasil é campeão do Ibero-Americano de atletismo

Sem mais artigos