O boxeador brasileiro Kelson Pinto, 27, foi nocauteado na madrugada de ontem pelo porto-riquenho Miguel Cotto. A luta valia o cinturão dos meio-médios-ligeiros da OMB (Organização Mundial de Boxe). O título estava vago depois do americano Zab Judah subir de peso.

Kelson, que já havia vencido Cotto em duas ocasiões, beijou a lona três vezes, no segundo, quinto e sexto assaltos, até o combate ser interrompido pelo juiz Robert Ramirez. Foi a primeira derrota profissional do boxeador, que ficou conhecido por ser sparring do campeão Acelino Popó Freitas.

Sem mais artigos