Um dos jogadores de futebol mais balados da atualidade, o atacante português Cristiano Ronaldo, sucesso dentro de campo pelo Real Madrid e seleção de Portugal e destaque fora das quatro linhas como modelo em campanhas publicitárias, é mais uma vez destaque da edição espanhol da revista GQ.

Capa do mês de março, o craque falou sobre seu atual momento e aproveitou para revelar o que seria na vida se não desse certo como jogador de futebol. “As pessoas sempre me perguntam sobre isso, eu não sei por qual motivo, mas provavelmente faria o mesmo que os meus irmão e trabalharia em obras, ou algo do tipo”.

Quando o assusto é decepção, o craque relembrou a eliminação para a Espanha na Eurocopa do ano passado, disputada na Polônia e Ucrânia. Segundo ele, a derrota foi muito dolorosa, mas ele não chorou após o ocorrido, como foi circulado na mídia na ocasião.

“Perder nos pênaltis é sempre doloroso. Sofrer uma derrota após 120 minutos de futebol é ainda mais difícil”, disse o português, que garante não ter chorado após o duro revés sofrido na competição. “Em outras ocasiones sim (chorei), mas esta noite não”, completou.

Sobre sua relação com o técnico do Manchester United, Alex Ferguson, próximo rival no duelo válido pela Liga dos Campeões da Europa, Cristiano garantiu que teve alguns entreveros com o escocês, mas que os dois são grandes amigos. “Eu sou muito grato a tudo que Ferguson fez por mim. É ótimo como treinador e melhor ainda como pessoa”, disse.

Já quando o assunto são as constantes críticas, o português diz se irritar apenas quando o assunto abordado pelos críticos são extracampo. “A crítica faz parte da minha profissão, mas o que mais me dói são as críticas de assuntos que nada têm a ver com futebol”, afirmou.

Sobre o ambiente no Real Madrid, o português que é muito melhor do que dizem por ai. “Tenho vários amigos no vestiário do Real Madrid, não só meus compatriotas. Claro que, a princípio, me misturo com gente como Pepe e Kaká, pois falamos a mesma língua, mas isso não quer dizer que é um grupo fechado”, garantiu.

A nova edição da revista GQ da Espanha será publicada e estará disponível nas principais bancas da do país a partir da próxima terça-feira (26).

Sem mais artigos