Maconha e esporte não combinam? Não é bem assim. Pelo menos é o que mostra o Rochdale AFC, time de futebol inglês da cidade Manchester, que disputa a League One, uma espécie de terceira divisão da Inglaterra. O clube criado em 1907 encontrou uma alternativa no mínimo inusitada para fazer a grama do seu estádio crescer: lâmpadas de cultivo de maconha.

Usando os equipamentos com custo zero, uma vez que as lâmpadas foram apreendidas pela Polícia local e repassadas ao clube inglês, o Rochdale AFC está fazendo com que o gramado do Spotland Stadium cresça de modo acelerado.

“A grama está crescendo como nunca”, afirmou o zelador do campo, Ollie Makin, em entrevista ao site da BBC.

A iniciativa que repassar o equipamento para o modesto time de Manchester, que nem de perto tem o poderio financeiro dos vizinhos United e City, partiu do sargento Andy Fern, que também trabalha no Rochadale AFC.

A iniciativa, que está saindo de graça para o clube, tem um custo estimado entre  £ 20 mil e  £ 30 mil (entre R$ 80 mil e R$ 120 mil) e ajudou a restaurar o gramado do estádio, que também é utilizado pelo Rochdale Hornets, time de rugby de Manchester.

“O gramado fica muito desgastado no inverno, pois há jogos de futebol aos sábados e rúgbi aos domingos”, disse Makin. “Eu nem sei como agradecer o suficiente a polícia. Eles já salvaram o clube de uma fortuna e os jogadores estão muito felizes, especialmente o goleiro”, concluiu o jardineiro.

Sem mais artigos