O brasileiro Daniel Dias conquistou seu terceiro ouro nos Jogos Paralímpicos da Londres na noite da última terça-feira (04) ao ser campeão dos 100 metros peito, classe SB4.

Daniel pulverizou no Centro Aquático o recorde da categoria, marcando o tempo de 1min32s27. A melhor marca anterior era do próprio brasileiro, com 1m35s82, obtida nas eliminatórias. A prata ficou com o colombiano Moises Fuentes García, que nadou em 1min36s92, e o bronze, com o espanhol Ricardo Ten (1min37s23).

Daniel conseguiu seu terceiro título paralímpico em Londres e a 12ª medalha de sua carreira, após as nove conquistadas em Pequim, em 2008. Seu compatriota Ivanildo Vasconcelos também participou da prova, mas acabou em sétimo lugar, com um tempo de 1min52s84.

“Estou muito contente. Conseguir uma medalha sempre me deixa feliz”, declarou o brasileiro, que já foi ouro também nos 50 e 200 metros livres e ainda disputará mais quatro provas em Londres.

Por sua vez, André Brasil conquistou a prata nos 100 metros costas, na classe S10, com um tempo de 1min00s11. O ouro ficou com o americano Justin Zook, que foi apenas 0s1 mais rápido que o brasileiro, e o bronze, com o canadense Benoit Huot (1min00s73).

“Esperava menos de um minuto nesta prova e já sabia que o vencedor estabeleceria um novo recorde mundial. Se compararmos com quatro anos atrás, passamos da quarta posição para um segundo lugar, e por isso é um bom resultado. Ganhar outra medalha, em outra prova, não é algo pra se queixar”, disse André ao final da prova.

O nadador brasileiro já havia conquistado dois ouros, nos 50 metros livres e nos 100 metros borboleta, e a prata nos 200 metros medley.

Sem mais artigos