Titular da Seleção Brasileira na derrota para a Suíça por 1 a 0, em amistoso realizado na última quarta-feira (14), na Basileia, o zagueiro Dante analisou o revés como complicado por se tratar de um resultado negativo após a conquista da Copa das Confederações e aproveitou para exaltar Shaqiri, seu companheiro de Bayern de Munique, que participou de forma efetiva do duelo. 

“Legal enfrentar meu colega de Bayern, o Shaqiri. Ele é um grande jogador, um grande talento. Hoje ele fez uma grande partida também e gostaria de parabenizá-lo. A partida contra a Suiça foi um jogo complicado, pois foi um time que se portou muito bem taticamente. Isso aí faz parte da nossa preparação, agente começou tarde também a temporada, mas agora é erguer a cabeça e trabalhar forte no clube para que nos próximos amistosos da seleção brasileira estar pronto para fazer grandes partidas”, disse o zagueiro Dante.

Dona da melhor defesa das Eliminatórias Europeias da Copa de 2014, com apenas um gol sofrido em seis rodada, a seleção da Suíça contou com uma ajuda do lateral-direito Daniel Alves para sair com a vitóra na partida. O jogador do Barcelona, ao tentar desviar um cruzamento na grande área, acabou mandando a bola contra seu patrimônio.

Sem mais artigos