Foi na coletiva pós-jogo do Atlético-MG contra o Criciúma
nesse domingo (07) que Cuca já mostrou que só pensa na decisão de quarta-feira
(09) contra o Newell’s Old Boys, da Argentina, que vale vaga na final da Libertadores. 

Usando
uma camisa com os escritos “Yes, we C.A.M.”, o técnico cria o pensamento para
que os torcedores acreditem na classificação, parafraseando o slogan que Barack
Obama
utilizou na primeira vez que foi eleito presidente nos Estados Unidos “Yes, we can”, ou “Sim, nós podemos”.

A frase foi mudada tirando o verbo “can” e colocado em seu
lugar as iniciais do Clube Atlético Mineiro.

“Essa camisa diz tudo: ‘sim, nós podemos’. Agora, junto
deste ‘sim, nós podemos’, tem que vir o ‘sim, nós queremos; sim, nós
conseguimos; sim, nós nos dedicamos, nos entregamos de corpo e alma’. Jogar uma
partida bem jogada, como na maioria das vezes a gente joga aqui” disse o
treinador.

No próxima quarta, o Galo precisa reverter o placar de 2 a 0 que o Newell’s conseguiu no Estádio Marcelo Bielsa, em Rosário, na semana passada. Com a melhor campanha do torneio, os mineiros podem vencer pelo mesmo placar que se classificam.

De olho no Newell’s, Cuca usa camiseta inspirada em lema de Obama: ‘Yes, we C.A.M.’

Sem mais artigos