Retorno de Anderson Silva ao UFC acontecerá em janeiro de 2015

Retorno de Anderson Silva ao UFC acontecerá em janeiro de 2015

Um dos maiores sucessos de bilheteria da história do UFC, o brasileiro Anderson Silva está de volta aos octógonos de MMA. O retorno do ex-campeão dos médios após fraturar a tíbia e a fíbula ao chutar a perna de Chris Wiedman marcado para o dia 31 de janeiro de 2015, no UFC183, em Las Vegas, nos Estados Unidos, diante do americano Nick Diaz. O evento está sendo tratado pela organização como algo muito especial, com direito a campanhas nas redes sociais para estimular os fãs do lutador. Comercialmente, contudo, o combate não goza do mesmo prestígio que Spider tinha outrora, tanto que há pacotes sendo vendidos no Brasil com preços que variam muito, desde os mais baixos até valores acima do convencional.

Sucesso de público e publicidade em todas as suas lutas de defesas de cinturão, Anderson Silva, após um ano parado e tratando de sua lesão, ainda não teve todos os ingressos de seu combate vendidos. Tanto que a agência  Hotel Urbano, operadora de turismo oficial do UFC no Brasil  durante toda a temporada 2015,  colocou à venda dois tipos de pacotes, com ou sem passagens aéreas, que variam entre R$ 650 a R$ 3.999,

anderson-silva-pacotes-ufc

anderson-silva-pacotes-ufc-0

Há dois anos, ter ingressos disponível para uma luta de Anderson Silva, faltando um mês para o combate, era algo impensável de se ver dentro do UFC. Os confrontos contra Sonnen, Stephan Bonnar, Vitor Belfort, Okami e Weidman, mesmo com preços muito mais altos, tinham seus bilhetes comercializados com meses de antecedência. Lembrando que, além das duas derrotas de Anderson Silva, o UFC também sofreu em 2014 com seu pior ano de vendas de pacotes desde 2005. Segundo levantamento feito pela Zuffa, empresa que administra o Ultimate, a organização deve fechar o ano com uma queda de 40% no faturamento.

Não é apenas Anderson Silva que está com seus combates no site da agência. Outros eventos do UFC, como a luta entre Chris Weidman e Vitor Belfort no UFC 184, no dia 28 de fevereiro, valendo o cinturão dos médios, também estão disponíveis para a comercialização antecipada para brasileiros.

Detentor do cinturão entre os anos de 2006 e 2013, Anderson Silva, em caso de vitória sobre Diaz, poderá fazer uma nova luta contra Weidman, dependendo do resultado do combate contra Vitor Belfort.

Sem mais artigos