0406-brody-jenner-sherman-twitter-6

Richard Sherman atacando de DJ no aniversário de um de seus amigos de Seattle Seahawks

Ser encrenqueiro na NFL não é uma tarefa muito difícil. Vários jogadores da liga profissional de futebol americano gostam de aparecer e, para isso, usam das mais diversas polêmicas possíveis e de atitudes extra-campo para se promoverem. Poucos, contudo, conseguem ser tão provocativos como Richard Sherman, cornerback do Seattle Seahawks e um dos jogadores mais famosos e mais engraçados do esporte da bola oval.

Dono de uma personalidade forte, Sherman não tem papas na língua e faz o tipo ame-o ou odeio-o. Draftado pelos Seahawks em 2011, o cornerback, que surgiu para o futebol americano na Universidade de Stanford, brilhou nas primeiras temporadas da NFL, causou algumas confusões dentro de campo, e suas performances lhe garantiram uma extensão contratual, em 2014, de US$ 57,4 milhões de dólares pelos próximos quatro anos. Ou seja, ele fala muito, briga com rivais e jornalistas, mas também não decepciona dentro de campo e, até o momento, dá o retorno esperado.

Briga de gente grande

Uma das grandes confusões de Richard Sherman na NFL foi com ninguém menos que Tom Brady, o senhor Gisele Bündchen e quarterback do New England Patriots.  Ainda no tempo de calouro, o cornerback provocou Brady durante uma partida e postou uma foto no seu Twitter gritando na cara do rival com a legenda “U mad bro?” (“Tá chateado?” em tradução livre).

Richard Sherman provocou Tom Brady e tornou famosa a frase  "U mad bro?" ("Tá chateado?" em tradução livre).

Richard Sherman provocou Tom Brady e tornou famosa a frase “U mad bro?” (“Tá chateado?” em tradução livre).

A vingança, porém, veio em grande estilo. No Super Bowl da última temporada, Seattle Seahawks e New England Patriots se enfrentaram no Arizona. Com Sherman em campo, mas lesionado, Tom Brady fez a festa e sua equipe derrotou o time do falastrão em uma jogada nos segundos finais, causando uma reação pra lá de desagradável do cornerback, que também virou um meme (veja foto abaixo).

Derrota para o New England Patriots no Super Bowl foi o troco em Sherman

Derrota para o New England Patriots no Super Bowl foi o troco em Sherman

As confusões de Sherman dentro de campo não param por ai. O craque dos Seahawks já se encrencou com outros adversários de equipe, chegando a chamar, por exemplo, o wide receiver do San Francisco 49ers, Michael Crabtree, de medíocre, fora as brigas com o quarterback Colin Kaepernic. Fora de campo, os alvos favoritos de Richard Sherman são os jornalistas. Skip Bayless, analista da ESPN americana, que o diga. Em uma entrevista ao vivo, o jogador discutiu com o jornalista, dizendo que “era inteligente o suficiente e capaz para entender que ele (Bayless) era um ignorante, egocêntrico e cretino”.

Ator, DJ, modelo e jogador de beisebol

Componente da Legion of Boom, linha defensiva secundária do Seattle Seahawks, considerada a mais eficiente da NFL, Sherman, que sempre quando pode divide os méritos da efetividade do setor com seus companheiros Earl Thomaz, Byron Maxell, Jeremy Lane e Kam Chancellor, é literalmente um multi-homem. Craque em campo, o cornerback também possui outros talentos, como um ‘descoberto’ por Chancellor durante sua festa de aniversário de 27 anos: Sherman também é DJ (ou pelo menos tenta).

Por falar em talento fora de campo, Richard Sherman não é apenas um jogador de futebol americano. Nas horas vagas, o atleta também tira onda como modelo fotográfico e até ator, principalmente em comerciais, atuando inclusive ao lado de famosos torcedores do Seattle Seahawks e até mesmo com sua mãe (assista um trecho abaixo).

Richard Sherman durante uma gravação de comercial

Apaixonado por esportes, Sherman também manda bem no beisebol. O jogador, inclusive, já ‘bateu uma bolinha’ com ninguém menos que Kobe Bryant, astro do basquete americano e craque do Los Angeles Lakers, e arriscou um arremessos durante um treinamento do Seattle Mariners, franquia da mesma cidade dos Seahawks.

Jogador de futebol americano, Richard Sherman também se arrisca no beisebol

Jogador de futebol americano, Richard Sherman também se arrisca no beisebol

Por fim, mas não menos importante, Richard Sherman também é um sucesso nos games. Capa do último jogo oficial da NFL, o Madden 15, o cornerback, que é um dos melhores jogadores da liga também na versões virtual, ganhou uma votação popular contra Cam Newton, com mais de 10 milhões de votos, e fez questão de tirar uma onda logo após o anúncio (assista no vídeo abaixo).

Richard Sherman vence eleição do Madden 15

Campeão do Super Bowl XLVIII com apenas 25 anos, Sherman, que hoje tem 27, é uma das grandes figuras da NFL na atualidade. Craque e falastrão, ao melhor estilo jogador de futebol bad boy dos anos 80, o cornerback, ainda bem, deverá seguir desfilando seu veneno e seu talento por muitas temporadas do futebol americano.

Sem mais artigos