Vicente del Bosque, técnico da seleção espanhola, disse nesta sexta-feira que compreende a decisão de Josep Guardiola de deixar o Barcelona no fim desta temporada.

“É uma decisão pessoal. Entendo e lhe desejo o melhor”, declarou o treinador durante uma visita a uma pequena província espanhola.

O comandante da ‘Fúria’ afirmou que Guardiola fez mais do que uma escolha profissional e por isso precisa ser respeitado. “Pep tomou uma decisão como torcedor e nada mais é preciso. Devemos aceitar o que fez, porque foi com o coração e é isso o que acredita ser o melhor para ele e para o Barcelona”, afirmou.

O treinador da Espanha não quis comentar a escolha do auxiliar técnico Tito Vilanova como sucessor de Guardiola no comando do Barcelona.”Não sou ninguém para comentar sobre as decisões dos clubes”, encerrou Vicente Del Bosque.

Sem mais artigos