Duas explosões nos arredores da Donbass Arena voltaram a danificar o estádio do Shakhtar Donetsk, atual líder do Campeonato Ucraniano, informou o clube na última sexta-feira (19) por meio de comunicado.

“Às 12h45 (6h45 no horário de Brasília) duas explosões foram ouvidas nas imediações da Donbass Arena. Como consequência, uma parte da fachada nordeste do estádio”, diz a nota publicada no site do Shakhtar.

As ações ainda não foram detalhadas pelo clube, que divulgou ter realizado a evacuação das instalações, onde estavam alguns funcionários. Ninguém ficou ferido.

Em 23 de agosto, o estádio já tinha sido alvo de ataques de artilharia. A fachada noroeste do estádio acabou bastante danificada pelo impacto de projéteis.

Donetsk é uma das bases dos rebeldes pró-Rússia desde abril, quando passou a ser alvo de vários ataques, inclusive nas duas últimas semanas, em que havia sido decretado cessar-fogo. Por causa disso, o Shakhtar transferiu sua estrutura para Kiev.

Desde a temporada, o clube já vem atuando na capital ucraniana ou em Lviv, cidades do oeste do país, em que não há registro de conflitos.

A Donbass Arena, estádio com capacidade para mais de 50 mil espectadores, é o único com categoria cinco estrelas da Uefa em todo o Leste Europeu.

Sem mais artigos