Nesta manhã, o piloto Felipe Massa, da Sauber-Petronas, sofreu um acidente nas pistas de Barcelona e foi levado logo em seguida para o Hospital Geral da Catalunha. Massa fez questão de negar que tenha desmaiado em algum momento após a batida no final da reta. “Fiquei sabendo que as primeiras notícias na Internet diziam que fiquei desacordado. Mantive a consciência durante todo o tempo, tanto que, pelo rádio, avisei a equipe do ocorrido e saí sozinho do cockpit”, explicou. O brasileiro acabara de abrir a terceira volta quando o seu carro ficou descontrolado a uma velocidade estimada de 300 km/h. Apenas o lado dianteiro direito do carro foi mais severamente atingido.

Um fiscal foi o primeiro a se aproximar do local, no momento em que Massa avaliava a extensão dos danos no carro. “Ele me disse que era melhor eu ficar sentado enquanto o resgate não chegava. Foi o que fiz.” Os médicos do autódromo preferiram transportá-lo de helicóptero para o Hospital Geral da Catalunha, nas proximidades do circuito. “Se dependesse de mim, nem sairia do autódromo. Mas os médicos disseram que tinham de seguir os procedimentos de rotina. Então, liguei para minha namorada no Brasil e pedi que ela tranqüilizasse a todos, porque estava tudo bem.”

<a href="http://pitstop.virgula.terra.com.br/" target="_blank"><b><font color="#FFFFFF">Veja como foi o acidente</font></b></a>

Sem mais artigos