Jean Todt, diretor esportivo da Ferrari, havia declarado que caso a escuderia italiana não vencesse o campeonato, poderia recorrer a justiça, para anular os resultados onde a Michelin havia conquistado a vitória nesta temporada, já que apresentaram a FIA (Federação Internacional de Automobilismo), suspeitas sobre a legalidades dos pneus franceses.

<a href="http://www.virgula.com.br/pitstop.php?link=http://pitstop.virgula.terra.com.br/pit-php/tnoticia.php3?controle=33232*categ=Fo" target="_self"><b><font color="#FFFFFF">Saiba mais</font></b></a>

Sem mais artigos