A primeira edição da Copa Verde foi encerrada na última segunda-feira (21), com o título do Brasília, após vitória nos pênaltis sobre o Paysandu, em partida disputada no Estádio Nacional Mané Garrincha, um dos locais que receberá jogos da Copa do Mundo. Mesmo se tratando de uma competição nova e com clubes que não disputam a elite do futebol brasileiro, o público que acompanhou a decisão na capital federal foi maior que o registrado em cada um dos 10 jogos da rodada de abertura do Campeonato Brasileiro.

Com uma ‘invasão’ de torcedores do Papão, 51.701 pessoas estiveram no Mané Garrincha na final do torneio que reuniu times das regiões Norte e Centro-Oeste (exceto Goiás) e do Espírito Santo. Vale lembrar, contudo, que todos os ingressos do anel superior do estádio foram vendidos a R$ 1, por conta do aniversário de 54 anos da cidade. Além disso, 500 entradas foram doadas a torcedores do time da capital, que ganhou vaga para a disputa da Copa Sul-Americana 2015.

Os dois times da Série A do Campeonato Brasileiro que chegaram mais perto do público registrado na final da Copa Verde foram São Paulo e Fluminense, respectivamente. No duelo contra o Botafogo, vencido por 3 a 0, o tricolor paulista levou ao Morumbi 31.564 pagantes. Já o time carioca recebeu o recém-promovido Figueirense, no Maracanã, no duelo que contou com 31.173 torcedores que pagaram ingresso.

Mas, assim como o Brasília, ambos os clubes de elite também fizeram promoções para seus jogos. O São Paulo, tentando levar mais torcedores ao Morumbi, colocou entradas de arquibancadas a R$ 3 para sócios e R$10 para o torcedor convencional, mesmo valor cobrado pelo Fluminense no palco da final da próxima Copa.

O Internacional de Porto Alegre, que abriu a primeira rodada do Brasileirão no sábado (19), ao vencer o Vitória por 1 a 0, no Beira-Rio, contou com a presença de 24.692 pagantes, menos que a metade do público registrado na partida entre Brasília e Paysandu.

Tirando estes três jogos, nenhuma outra partida da primeira rodada do Campeonato Brasileiro, mesmo envolvendo equipes de grandes torcidas, como Flamengo, Corinthians e Atlético-MG, registrou um público superior a 20 mil torcedores.

Veja abaixo a lista de público pagante dos jogos do Brasileirão:

Sábado (19/04)

Jogos: Fluminense 3 x 0 Figueirense
Público: 31.173 pagantes
Local: Maracanã

Jogo: Chapecoense 0 x 0 Coritiba
Público: 7.178 pagantes
Local: Arena Condá

Jogo: Internacional 1 x 0 Vitória
Público: 24.692 pagantes
Local: Beira-Rio

Domingo (20/04)

Jogo: Atlético-MG 0 x 0 Corinthians
Público: 10.023 pagantes
Local: Parque do Sabiá

Jogo: Atlético-PR 1 x 0 Grêmio
Público: Não divulgado*
Local: Orlando Scarpelli

Jogo: Santos 1 x 1 Sport
Público: 7.964 pagantes
Local: Vila Belmiro

Jogo: Flamengo 0 x 0 Goiás
Público: 19.012 pagantes
Local: Mané Garrincha

Jogo: Bahia 1 x 2 Cruzeiro
Público: 8.913 pagantes
Local: Arena Fonte Nova

Jogo: São Paulo 3 x 0 Botafogo
Público: 31.564 pagantes
Local: Morumbi

Jogo: Criciúma 1 x 2 Palmeiras
Público: 11.768 pessoas
Local: Heriberto Hülse

*O jogo disputado entre Atlético-PR e Grêmio aconteceu no Estádio Orlando Scarpelli, do Figueirense, em Florianópolis, por conta de uma punição imposta pelo STJD. O público e a renda desta partida não foi divulgado. Porém, como a capacidade máxima do local é para 20.000 torcedores, seria impossível superar o público da final da Copa Verde.

Final da Copa Verde supera público de jogos da primeira rodada do Brasileirão

Sem mais artigos