<br>
Atualmente em terceiro lugar no grupo B das eliminatórias para Euro-2008, a França encara a Lituânia, em Nantes, nesta quarta-feira, com dois objetivos.

O primeiro e mais importante, é o de bater o adversário e desse modo, passar a vice-líder Itália (que tem 23 pontos, mas folga na rodada) na chave.

O segundo é ajudar o atacante Thierry Henry a se tornar o maior artilheiro da história dos Bleus.

No último sábado, o atacante do Barça igualou a marca de 41 gols que pertencia a Platini na goleada de 6 a 0 sobre as Ilhas Faroe.

Além de ter que vencer, os franceses também vão torcer por uma improvável derrota da líder Escócia (24 pontos) para a Geórgia, penúltima colocada, com apenas sete pontos.

Sem mais artigos