Sempre muito político no ar quando mantém em segredo o time que torce, Galvão Bueno se entregou. Em participação no programa “Altas Horas”, o narrador revelou que é flamenguista.

“O cara chega em certa idade em que tem o direito de falar: Flamengo campeão em Tóquio, no título mundial. Já me entreguei. Pronto”, disse.

Logo depois, Galvão lembrou que em muitas oportunidades, os torcedores tentaram identificá-lo como fã de clubes paulistas.

“Sou carioca. Todo mundo fica perguntando se sou corintiano. Aí o corintiano olha pra mim e diz: ‘Você é palmeirense. Você é são-paulino’. Eu sou carioca, cara. Sou tijucano. Sou salgueirense. Então, tenho meu direito”, completou.

Sem mais artigos