Manuel Neuer, arqueiro da seleção alemã e do Schalke 04 de 24 anos, engrossou o coro dos que tentam convencer os jogadores homossexuais a se assumirem publicamente.

Em entrevista à revista Bunte, ele endossou as palavras de Mario Gomez em novembro: “sim, quem é homossexual deveria dizer que é. Os torcedores vão se acostumar rapidamente. O que importa é o rendimento do jogador, não a preferência sexual”, afirmou o jogador.

A Alemanha tem um histórico de homossexuais assumidos em diversos setores, como Ministro de Exteriores, Guido Westerwelle, o prefeito de Berlim, Klaus Wowereit e até mesmo um presidente de clube, Corny Littman, que era do St. Pauli.

Sem mais artigos