<br>Em entrevista ao site <i>Pelé.net</i>, o goleiro brasileiro Gomes, do PSV Eindhoven, afirmou que pretende defender a seleção da Holanda. O camisa 1, com 27 anos, já desistiu de ser convocado pelo técnico Dunga e está perto de conseguir a naturalização holandesa – ele joga no país desde julho de 2004.

“Ano que vem deve sair meu passaporte holandês. Ainda não dei entrada no processo, mas todos na federação ficaram empolgados quando eu disse que gostaria de atuar pela seleção”, comentou.

O único problema para Gomes é que ele já jogou pela seleção brasileira e vai precisar de uma liberação da Fifa para jogar na Holanda. O goleiro só entrou em campo com a camisa verde-amarela em partidas não-oficiais e, por isso, tem esperanças de receber o aval da entidade máxima do futebol mundial.

“Nunca tive problemas com o Dunga, nem com o Wendell (Ramalho, preparador de goleiros da seleção). Simplesmente ele não me ligou para falar um ‘poxa, não estou te chamando por tal motivo’. Apesar de achar que estou muito bem, expectativas eu já perdi todas pelo o que o Dunga mostrou”, afirmou ao <i>Pelé.net</i>.

<b>LEIA TAMBÉM:</b>
<a target=_blank href=http://www.virgula.com.br/esporte/novo/nota.php?ID=24430> Seleção mexicana quer contratar técnico brasileiro

Sem mais artigos