Sensacional – palavra que define a campanha da Seleção Brasileira de Vôlei Masculino na Copa do Mundo de 2003. Com a conquista inédita, o time do extraordinário Bernardinho preencheu o único espaço que ainda estava em branco na sua lista de títulos. Bater a equipe do Japão na final foi essencial. Porém, vencer as 11 partidas disputadas, perdendo apenas 4 sets, foi extraordinário. Reinado absoluto dos atletas brasileiros, unidos pela força e determinação. Agora, com a vaga mais do que garantida para os Jogos Olímpicos de Atenas do próximo ano, a Seleção terá que se acostumar com o rótulo de favorita das próximas competições. Como se não bastasse, Giovane e Escadinha foram escolhidos os melhores atacante e líbero, respectivamente. Se existisse uma categoria para o melhor técnico, com toda certeza o prêmio também ficaria no elenco brasileiro. E faço questão de iniciar e encerrar meu texto com a mesma palavra, pois assim como a campanha brasileira, Bernardinho também é sensacional.

<a href="mailto:mulheresemcampo@corp.virgula.com.br"><font face="Verdana" color=#FFFFFF>Mande um e-mail dizendo o que você achou da Coluna</font></a>

Sem mais artigos