Contratado em janeiro, Clarence Seedorf pode nem terminar a temporada no comando do Milan. Segundo o jornal espanhol Mundo Deportivo publica nesta terça-feira (22), o clube está insatisfeito com os maus resultados na temporada e já entrou em contato com Mauricio Pochettino, que hoje é técnico do Southampton.

Apesar das atuais cinco vitórias consecutivas, que deixou o time na sexta colocação do Campeonato Italiano e com alguma esperança de classificação à Liga Europa, o holandês pode sair antes do final do torneio. Seu lugar seria tomado provisoriamente pelo também ex-jogador Filippo Inzaghi, de 40 anos, hoje treinador do sub-20 rossonero.

Segundo a publicação, Seedorf está por um fio e, dependendo dos resultados dos próximos dois jogos – clássicos contra Roma e Internazionale –, pode ser demitido.

Único entrave na negociação com Pochettino, que já teve seu procurador assediado por agentes milanistas, seria seu salário de € 1,5 milhão (cerca de R$ 4,6 milhões) por ano. O argentino, de 42 anos, foi zagueiro de times como o Newell’s Old Boys, o PSG e o Espanyol, equipe na qual começou a carreira de técnico e permaneceu por quatro temporadas. Ele está prestes a completar seu segundo ano no Southampton, deixando o clube na boa oitava posição da atual Premier League.

Sem mais artigos