A primeira posição da Fifa após o acidente da Arena Corinthians nesta quarta-feira (27) veio através do secretário-geral da entidade, Jérôme Valcke. Em seu perfil no Twitter, o dirigente se posicionou sobre o desabamento de um dos módulos de cobertura e lamentou o ocorrido no estádio da abertura da Copa do Mundo de 2014.

“Extremamente chocado com as notícias de São Paulo. Nossos pensamentos estão com as famílias das vítimas deste acidente”, escreveu o dirigente. “Estamos no momento aguardando por mais detalhes das autoridades, que estão investigando este trágico acidente”, completou Valcke.

O presidente da Fifa, Joseph Blatter, também seguiu a linha de seu subordinado e pouco mais de cinco minutos após os comentários de Valcke, o mandatário usou seu perfil no Twitter, mas se limitou a lamentar o ocorrido.

“Estou profundamente entristecido com a morte trágica de trabalhadores na Arena Corinthians hoje. Nossas condolências de coração às famílias”, resumiu o mandatário.

Nenhum pronunciamento no site oficial da entidade ou mesmo por outras mídias foi feito pela Fifa. Vale lembrar que o prazo final para a entrega dos estádios para a Copa do Mundo de 2014 se encerra no dia 31 de dezembro.

Ainda não há informações sobre o quanto a obra pode se atrasar com o acidente desta quarta-feira. A Arena Corinthians será palco do jogo de abertura do Mundial, em 12 de junho do ano que vem.

Sem mais artigos