<br>
O jogador romeno Mihai Lungan, do Jiul Petrosani, tomou uma surra após cancelar seu contrato com o time da segunda div~isão da Romênia. O atleta, que tomou esta atitude alegando falta de pagamento de suas premiações, diz saber quem foram os agressores.

Segundo informações da Polícia de Petrosani, os autores da agressão seriam guarda-costas do dono do clube, Alin Simotta; em nota, ele negou envolvimento no caso. O técnico do time afirmou ter visto o jogador "coberto de sangue após um treino".

<b>Veja também:</b>
<a target=_blank href=http://www.virgula.com.br/esporte/novo/nota.php?ID=20330>Lyon vai à FIFA contra o Corinthians!</a>

Sem mais artigos